Cerca de 35 milhões de pessoas não têm acesso à água tratada

Grafiteiro cria kits contra o coronavirus
31 de março de 2020
Saiba mais sobre a Covid-19
15 de abril de 2020
Mostrar todos

Cerca de 35 milhões de pessoas não têm acesso à água tratada

Segundo as recomendações da OMS, ações como ficar em casa e lavar as mãos, devem ser mantidas para tentar conter os avanços da COVID-19.
Mas quando a falta de água é constante para milhares de brasileiros, manter os princípios básicos de higiene, pode ser um desafio.

Segundo dados do SNIS (Sistema Nacional de Informações sobre Saneamento) cerca de 35 milhões de pessoas não têm acesso à água tratada.
Água limpa saindo pela torneira não faz parte da vida de muita gente que vive nas comunidades do Brasil.

Segundo os Institutos Data Favela e Locomotiva, o país tem aproximadamente 13,6 milhões de pessoas morando em favelas. Pessoas que tem sofrido constantemente com a falta de água limpa e itens básicos de higiene para tentar sobreviver à essa pandemia.

Ao longo das últimas semanas, diversas ONGs e representantes de comunidades do Brasil vêm se mobilizando para conseguir arrecadar alimentos, produtos de higiene pessoal e, até mesmo água, para tentar minimizar esse grande problema.
.

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

USE A SUA VOZ PARA PROVOCAR MUDANÇAS NA MODA!

Preencha o formulário e descubra como você pode ajudar a MODA a reduzir seu consumo de água!
Faça parte dessa causa!